https://d1uzdx1j6g4d0a.cloudfront.net/players/topo/18/62916?identifier=www.radiobrasilnordeste.com&source=1377
 
MARCELO JORGE - BANNER SEGURANÇA-728X90PX.png
CARD GRANJA ALMEIDA MAI2022.png

É permitida a transcrição total ou parcial das matérias deste blog, DESDE QUE CITADA A FONTE

Apoiado por ARTHUR LYRA em Alagoas, FLÁVIO MORENO deve surpreender como pré-candidato a Federal

Flávio vem se posicionando como líder desde 2018, quando percorreu o estado de Alagoas como um dos coordenadores da Campanha vitoriosa de Jair Bolsonaro, conseguindo com que a capital Maceió desse larga vitória ao Presidente sobre seu opositor, Fernando Haddad.
Flávio Moreno, ao lado de Artur Lira é forte pré-candidato a uma das vagas à Federal (Divulgação)

E falando sobre a política na ‘Terra dos Marechais’, Alagoas, o policial federal recém filiado ao PP, Flávio Moreno, será um dos pré-candidatos à Câmara Federal com apoio do presidente daquela Casa, deputado Arthur Lira (PP-AL), que o convidou para integrar a legenda progressista e sair pré-candidato.

Com Eduardo Bolsonaro, seu colega de corporação na PF
Moreno, que é conservador, foi filiado ao antigo PSL (atualmente União Brasil, após fusão com DEM), e desde o primeiro momento vem apoiando o presidente Jair Bolsonaro naquele estado, conseguindo inclusive através de um forte trabalho eleitoral, com que o atual presidente tivesse em 2018, votação majoritária na capital Maceió: 61,63% (268.027 votos) contra os 38,37% (166.838 votos) para o petista Fernando Haddad. Esse foi o melhor percentual de votos pró-Bolsonaro dentre todas as capitais do Nordeste (52%)

Inclusive na semana passada, o policial, já filiado ao Partido Progressista, reuniu aliados de diversos segmentos para iniciarem o processo de organização e geração de ideias na coordenação da sua pré-campanha (foto acima).

Como candidato a Senador em 2018, Flávio Moreno obteve a expressiva marca de 142.757 votos dos alagoanos e tem boas chances de tornar-se um dos nove parlamentares a representar Alagoas a partir de 2023 em Brasília.
0 comentário