https://d1uzdx1j6g4d0a.cloudfront.net/players/topo/18/62916?identifier=www.radiobrasilnordeste.com&source=1377
 
CARD GRANJA ALMEIDA MAI2022.png
DUO_BANNER HORIZONTAL.jpg

É permitida a transcrição total ou parcial das matérias deste blog, DESDE QUE CITADA A FONTE

Em entrevista, Izaías se diz atacado e atribui citações ao seu nome como “medo do enfrentamento"

Falando ao jornalista Eduardo Peixoto, no programa Manhã Total da Rádio Jornal Garanhuns, o ex-prefeito Izaías falou sobre cena política e comentou sobre atual administração municipal.

Levando ao ar para milhares de ouvintes e internautas uma entrevista com o ex-prefeito de Garanhuns Izaías Régis (PTB), a Rádio Jornal de Garanhuns obteve grande audiência na manhã desta quinta-feira (14)

Abrindo a entrevista, ao lado do amigo e seu ex-prefeito Haroldo Vicente, Izaías disse que ao deixar o governo esperava que o novo prefeito o procurasse para que, com sua experiência na gestão municipal, pudesse contribuir com Garanhuns, sendo no entanto ignorado. A partir daí, ainda de acordo com o petebista, seu nome vem sendo citado direta ou indiretamente pela gestão do atual prefeito Sivaldo Albino (PSB), sempre de forma depreciativa e lhe atribuindo má gestão, desvio de erário e mais recentemente até a propagação de ‘fake news’.

Chamando a gestão de incompetente, Izaías disse ainda que Sivaldo criou na prefeitura uma 'empresa familiar' e que somando os valores dos salários recebidos por estes o montante pago aos parentes do prefeito 'Chegará aos 3 milhões de reais'.

Régis, que foi deputado estadual por três legislaturas consecutivas e ocupou a principal cadeira do município em dois mandatos, ironizou a recente declaração de Sivaldo de que um hospital municipal será inviável em Garanhuns, apesar dessa ter sido uma das principais bandeiras de campanha. O ex-prefeito relembrou que já havia alertado a impossibilidade da construção desse equipamento de saúde sendo, à época e por muitas vezes, criticado por Sivaldo e seu irmão Jhony Albino (PSB) este último hoje vereador e presidente da Câmara.

Em determinado trecho da entrevista, Izaías disse que o gestor pode a partir de agora “Até cobrir a cidade de ouro, mas mesmo assim não reverterá sua má imagem perante a população e que a utilização de críticas à gestão petebista e mentiras propagadas pela atual gestão, deve-se ao medo do enfrentamento nas urnas”.

Veja dois trechos dos vídeos da entrevista abaixo:




0 comentário