• Marcelo Jorge

FESTA NO INTERIOR: Agricultores de São João recebem remessa de sementes do programa Campo Novo

Segundo o Presidente do Instituto IPA, Kaio Maniçoba, mesmo diante da pandemia, o governo de Pernambuco mantém o compromisso de apoiar a agricultura familiar.
Foto: Jadson Calado/Higor Nascimento

Em uma cerimônia simples, mas de grande relevância, o prefeito de São João, Wilson Lima (PP) recebeu no município no início da tarde desta quinta-feira (22), o Deputado Federal e presidente da sua legenda no Estado, Eduardo da Fonte e o presidente do Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA), Kaio Maniçoba, que realizaram a entrega simbólica das sementes oriundas do programa Campo Novo. O evento, cercado de precauções de segurança contra a disseminação do Covid-19, aconteceu no clube Areia Branca e também contou com a presença de diversas lideranças de agricultores de todos os recatos de São João.


Na sua fala, o deputado Eduardo da Fonte destacou a importância desse ato para um município cuja base principal é a agricultura. Ele enalteceu a administração do prefeito Wilson que, em pouco tempo, faz jus ao título de prefeito revelação do agreste.

Por sua vez, em entrevista ao programa ‘Arena BrasilNordeste’, o presidente do IPA, Kaio Maniçoba deu detalhes da distribuição das sementes pelo programa.

Para o prefeito Wilson Lima, que recentemente a retirada do município do chamado CAUC – uma espécie de negativação do município que impedia este de receber recursos -, o evento serviu também para levantar o ânimo dos agricultores em meio à grave crise vivenciada com a pandemia. Para Wilson Apesar de termos recebido uma quantidade razoável de sementes, vamos trabalhar para recebermos mais no ano que vem. Mas já foi uma boa iniciativa através do estado em parceria com nossa Secretaria de Agricultura local, as comissões formadas, as associações e a cooperativa.

Segundo o Governo Estadual, ao todo para o agreste, estão sendo distribuídos 355.410 quilos de sementes, que irão beneficiar cerca de 60 mil famílias de agricultores familiares do Agreste Central, Meridional e Setentrional. Serão 259.310 quilos de sementes de milho, 50 mil quilos de sementes e sorgo e 46.100 quilos de sementes de feijão.

Desse montante coube a São João 13.700 quilos, sendo 1.500 quilos de sorgo, 9.200 quilos de feijão e 3 mil quilos de milho.


PROGRAMA CAMPO NOVO


Criado em 2019, o programa Campo Novo tem como foco a entrega das sementes exatamente no início da quadra chuvosa, possibilitando o plantio nesse período no semiárido do estado. Só no início de 2020, o programa distribuiu 75 toneladas de sementes de sorgo, que permitiu o cultivo de 7.500 hectares de sorgo forrageiro, produzindo cerca de 337 mil toneladas de matéria verde.


ASCOM | São João - Fotos: Jadson Calado e Higor Nascimento


ASSISTA REPORTAGEM COMPLETA PRODUZIDA PELO ARENA BRASILNORDESTE, ACIONANDO O PLAYER ABAIXO:



26 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo