• Marcelo Jorge

KART: Líder na Paraíba, Cayan Chianca luta bravamente mas é vencido por quebra no carro em Paladino

O pernambucano bem que se esforçou. Vinha liderando a prova mas, enfrentando forte temporal que mudou as condições da pista, derrapou e viu seu kart ficar praticamente inutilizado para as futuras manobras.

O piloto garanhuense Cayan Chianca, estreando novo kart, participou neste final de semana da disputa da 2ª Etapa do Campeonato Paraibano de Kart, realizado no Circuito Internacional de Paladino, instalado no município de Conde, região metropolitana de João Pessoa. Após o warm-up - treino que antecede as corridas -, Chianca conseguiu fazer o melhor tempo. Em seguida no treino classificatório, acabou com o terceiro tempo o que definiria a sua posição no grid de largada.


Na largada, conseguiu ganhar uma posição e manteve-se parte da corrida na segunda posição, quando caiu um verdadeiro temporal e a corrida ganhou nuances de emoção ainda maior. Ao perceber que estava tirando a diferença para o líder da corrida Nilo Mateus, piloto do Rio Grande do Norte, Cayan não deixou de arriscar e numa dessas tentativas escorregou, chegando a bater fortemente na barreira de pneus de proteção, entortando todo o seu kart.

Mesmo com o equipamento danificado, o piloto voltou para a corrida e ainda conseguiu chegar na décima posição.

Sem tempo para recuperar o kart para a segunda corrida, a equipe tentou de tudo para que o equipamento estivesse pronto, mas não obteve êxito. Com a inversão do grid de largada para a segunda corrida, Cayan largou na primeira posição, mas com o kart impossível de guiar, por questões de segurança, acabou abandonando a corrida.


Com os resultados do final de semana, Cayan se manteve na liderança, porém vendo o segundo colocado encostar na sua pontuação.

A corrida foi muito atípica, não esperava aquela forte chuva que caiu na primeira corrida. Vi que estava chegando no Nilo e sabia que precisava arriscar, infelizmente sofri esse acidente. Pra segunda corrida realmente não conseguia guiar. O kart estava totalmente torto devido a batida nos pneus e não tive outra alternativa a não ser abandonar a prova.” Desabafou Cayan ao final da sua participação. E complementou:
Fiquei triste, pois tem muita gente torcendo nesse meu retorno e minha família estava presente aqui no kartódromo. Queria dar essa vitória de presente a minha mãe em comemoração ao dia das mães, não consegui, mas isso faz parte do esporte: Arriscar sempre, desistir jamais”!!

A próxima etapa acontecerá no dia 05 de Junho e no mês seguinte o pernambucano disputará a 1ª Etapa do Nordeste e ainda no mesmo mês, em Paulínea, São Paulo a seletiva THUNDER de kart.


Com informações de Jânio Almeida – Conde - PB - Fotos: Rico Santa Cruz

43 visualizações0 comentário