Nas plataformas digitais, pré-candidatos do Agreste sonham com ALEPE e disputam atenção de eleitores

Utilizando uma nova forma de aproximação com a população, ainda dentro de uma pandemia com 'data de validade' indefinida, politícos e não políticos retomaram seus contatos e disseminação das suas ideias.

*Marcelo Jorge


A pandemia modificou alguns hábitos e as aparições e difusão de ideias tanto de de personalidades como de pessoas comuns, antes estritamente presenciais, passaram a figurar nas telas maiores ou menores, na palma da mão com smartphones ou mesmo sobre a mesa, nos notebooks, PCs e Smart TVs.

Essa nova premissa também já é a realidade do Marketing Eleitoral que, mesmo antes das quarentenas, já reconhecia a realidade dos novos tempos, com investimentos nas plataformas digitais e mídias sociais, fator que foi apenas acelerado pela crise sanitária e de saúde.


ELEIÇÕES PÓS-PANDEMIA – NOVA CENA


No Agreste pernambucano, a realidade da crescente utilização da comunicação online também se funde com o início das movimentações de novatos e de alguns nomes conhecidos do ambiente político regional que sonham com um assento na Câmara Federal ou mesmo na Assembleia Legislativa do Estado – ALEPE. A região possui atualmente cerca de 2 milhões, 721 mil e 963 habitantes.


GARANHUNS

Na cidade polo no Agreste Meridional, possíveis pré-candidatos já não circulam timidamente como antes e agora opinam, comentam e se expõem mais nas redes e nas ruas.

Izaías Régis

Nomes conhecidos como o do ex-prefeito e ex-deputado Izaías Régis (PTB), oposicionista ferrenho ao Governo Paulo Câmara, e considerado um forte pré-candidato, gestor moderno e ousado, tendo sido responsável p ela criação e fortalecimento de eventos como a ‘Magia do Natal’ e ‘Viva Dominguinhos’. Frequentemente Izaías vem utilizando canais da imprensa e suas mídias sociais para manutenção do seu nome e de suas ideias.

Um outro nome que já circula com boa densidade é o do vereador por cinco oportunidades e ex-candidato a Prefeito, Zaqueu Naum Lins (PL), que nesta condição obteve aprovação de 16.489 eleitores (25,54% dos votos válidos) nas recentes eleições. Zaqueu é evangélico mas transita bem entre diversos segmentos da população, principalmente a mais carente e em 2014 aceitou o desafio de uma candidatura regional, chegando a obter 23.504 votos como candidato a uma cadeira na Casa de Joaquim Nabuco. Atualmente é apoiado pelo jovem e atuante Deputado Federal Fernando Rodolfo (PL).

Apesar de conviver em ambiente político, sendo filiado ao PSL, mas que ainda não cumpriu mandato eletivo, o militar da reserva, Coronel PM Marcos Campos é outro nome que busca viabilizar sua pré-candidatura no agreste. Agente de segurança pública tido como operacional e sempre prestativo, Campos tem bom trânsito entre desportistas, militares, imprensa e gestores da região.

Ainda em Garanhuns, uma novidade na cena política que também vem aos poucos obtendo visibilidade é o jovem Cayo Albino. Formado em Direito e Gerente da CODEAM, Cayo tem 23 anos, vem acompanhando desde a infância os mandatos do seu pai, ex-vereador, ex-deputado estadual e atual Prefeito de Garanhuns, Sivaldo Albino (PSB). O jovem vem utilizando de forma muito eficiente as mídias sociais e na campanha do pai foi um dos responsáveis por sua comunicação eleitoral.

Surgem ainda comentários sobre uma possível pré-candidatura da jovem senhora Fabiana Rolim, filha do ex-prefeito Silvino Duarte,.

Semelhantemente ao filho do atual prefeito, Fabiana também foi colaboradora na campanha do pai, quando cuidava da imagem do ex-gestor e era celebrada nas ruas pela semelhança física e de postura com a mãeex Deputada estadual Aurora Cristina (in memorian)

Vale lembrar que Garanhuns tem um amplo colégio eleitoral com 91.013 eleitores, número hipoteticamente suficiente para eleger mais de um deputado estadual.


PANORAMA REGIONAL

De Bom Conselho, deve disputar também uma vaga na ALEPE, o ex-prefeito socialista, Dannilo Godoy (PSB). Godoy, político prestigiado no Palácio do Campo das Princesas, quebrou um estigma político na chamada ‘Terra do Papacaça’, ao ser protagonista da primeira reeleição no município e tambpem contribuir para vitória do seu sucessor, Prefeito João Lucas, ao qual auxilia;

De Lajedo, visibiliza-se a possibilidade de pré-candidatura do ex-gestor municipal Rossine Blésmany (PSD). Rossine realizou duas administrações expressivas, consolidou-se como liderança política, fortaleceu sua marca e ainda ajudou a dar nova visibilidade e eleger o ex-prefeito Adelmo Duarte. Este último infelizmente não conseguiu cumprir integralmente seu mandato, tendo falecido no início deste mês de junho, com apenas 06 meses de gestão.

Um nome que também vem crescendo na região Agreste é o da Procuradora do INSS e ex-prefeita de São Bento do Una, Débora Almeida, atualmente no PSB. Silenciosa desde o término das eleições municipal, após ter cumprido dois mandatos bem sucedidos, a filha de um dos maiores empresários avícolas do estado e ex-vice prefeito, José Almeida, ganhou notoriedade ao garantir ampla visibilidade para a educação no seu município, com premiações nacionais e internacionais, desenvolver os eventos culturais como a ‘Corrida da Galinha’ e Feira de Avicultura, no município que é o maior produtor de ovos do Nordeste e o quarto no Brasil.

Além disso, Débora também ocupou o cargo de Secretaria da Mulher na AMUPE, representando a instituição municipalista em eventos no Brasil e fora dele. Ainda existe indefinição da permanência da ex-prefeita na atual sigla, o que no entanto não frustra os seus planos nem reduz seu extenso capital eleitoral no município, mas lhe credenciam para um novo vôo político.




0 comentário