https://d1uzdx1j6g4d0a.cloudfront.net/players/topo/18/62916?identifier=www.radiobrasilnordeste.com&source=1377
 
MARCELO JORGE - BANNER SEGURANÇA-728X90PX.png
CARD GRANJA ALMEIDA MAI2022.png

É permitida a transcrição total ou parcial das matérias deste blog, DESDE QUE CITADA A FONTE

Reforma e qualificação do Mercado de Farinha tem OS assinada pelo Prefeito SIVALDO ALBINO

O espaço onde funciona o tradicional Mercado de Farinha de Garanhuns apresenta problemas estruturais e já havia sofrido interdição por parte da Defesa Civil. A Ordem de Serviço precede o início das obras, sob a responsabilidade da Secretaria de Infraestrutura, Obras e Serviços Públicos

Foi assinada nesta quinta-feira (17) pelo prefeito de Garanhuns Sivaldo Albino (PSB) a Ordem de Serviço que possibilitará o inícios dos trabalhos de reforma e qualificação do Mercado de Farinha do município.

A referida OS foi assinada em uma solenidade realizada no Gabinete do gestor, na Sede do Poder Executivo Municipal. O ato de assinatura do documento foi executado conjuntamente pelo secretário de Infraestrutura, Obras e Serviços Públicos, Fá Albino e pelos representantes da Construtora Novo Horizonte, empresa vitoriosa em processo licitatório.

Segundo o Governo de Garanhuns, o prazo para conclusão das obras é de 180 dias e o valor do investimento é de R$ 362.385,20. O prefeito Sivaldo revelou que sua administração tem acompanhando de perto a situação do referido equipamento público, desde o início do seu mandato.
Ao blog ‘Ponto de Vista’, o socialista declarou: Sempre falamos que tínhamos um Plano de Governo, não de campanha. Estamos colocando em prática todos os compromissos firmados com a população. Sabemos da importância que tem o Mercado de Farinha para os feirantes, compradores e para todos de Garanhuns e região que visitam o local. Em breve teremos um prédio reformado, garantindo mais segurança e comodidade para todos.

Além do Mercado de Farinha, o Governo de Sivaldo registrou seu empenho em recuperar ainda durante a gestão o Mercado Público 18 de Agosto e o Pop Shop, ambos espaços que abrigam centenas de pequenos comerciantes, gerando ao público oferta de produtos e serviços e aos profissionais locais, emprego e renda.

0 comentário