top of page

É permitida a transcrição total ou parcial das matérias deste blog, DESDE QUE CITADA A FONTE

Banner_site_novos_planos.png
GOV_0040_24_INFORMES-REGULARES-JUNHO_RMR_728X90 (1).gif
Cabeçalho Blog Marcelo Jorge Okay.jpg

VENTOS FORTES DA POLÍTICA SACODEM CENA EM SALOÁ: Prefeito Junior de Rivaldo inicia reestruturação dos servidores municipais

Um fato no mínimo inusitado vem sendo o assunto mais comentado no agreste meridional de Pernambuco desde a manhã desta segunda-feira (18). A  decisão tomada pelo gestor municipal, até então afilhado político do ex-prefeito Ricardo Alves e que já vinha sofrendo muitos ruídos e desgaste, deve culminar com um rompimento político do grupo.

Com a decisão de reestruturação do secretariado e exoneração de alguns servidores municipais o Prefeito de Saloá, Junior de Rivaldo (MDB) demonstra total controle sobre a sua gestão o que deve provocar um rompimento com o ex-prefeito Ricardo Alves, conhecido por seu perfil centralizador, mesmo sem mandato eletivo.

Com essa decisão a cena política eleitoral local também deve ser redesenhada. Em razão de interferências em todo o governo que se arrastam desde o início da gestão de Júnior, em 2020, partidas do ex-gestor emedebista Ricardo, chegou-se a uma situação insustentável, garantem membros do governo municipal que preferiram não se identificar.  


Esse novo movimento deve portanto gerar um rompimento do prefeito com o grupo que por muitos anos dominou a cena política saloaense.

Segundo o portal de notícias ‘Saloá Notícias’, “O prefeito Júnior de Rivaldo (MDB) começou na manhã desta segunda-feira (18/03/24) uma ampla reestruturação na Prefeitura Municipal de Saloá/PE visando melhor os serviços públicos e o bem estar da população. Segundo as nossas fontes, vários pontos serão revistos nas secretarias municipais, principalmente nas áreas das finanças, tesouraria, assistência social, dentre outras, para tornar a coisa pública mais descentralizada.

Com esta ação, o prefeito Júnior de Rivaldo que é o legítimo pré-candidato à reeleição, deverá contar com a maioria dos vereadores, já que muitos políticos até então oposicionistas a Ricardo Alves, serão acolhidos pelo grupo e passam a apoiar o governo. Dentre estes novos apoiadores está o vice-prefeito Ronaldinho Birunda (UB) que havia se afastado do Palácio Municipal exatamente por discordâncias com Alves e que retorna às suas funções na prefeitura.

A partir de agora, o governo conta também com o apoio na Câmara da vereadora e Presidente daquele Poder legislativo, Ana de Manezinho (PSB), Lucineide da Serrinha (MDB), Jucélio Santos (PSB), Beto da Saúde, Reinaldo Martins (MDB), Ivan do Coêma (PSB), Jamelão e Paulo da Água. Estes dois últimos também voltam a fazer parte da base governista.

Segundo as mais recentes informações, auxiliares direitos de Ricardo Alves como a tesoureira Ana Paula, tida como ‘braço direito financeiro’ do ex-prefeito, foi exonerada do cargo e outros nomes poderão estar em condição semelhante.


0 comentário

Comments


bottom of page